Links

Subscreva agora a ARTECAPITAL - NEWSLETTER quinzenal para saber as últimas exposições, entrevistas e notícias de arte contemporânea.



ARTECAPITAL RECOMENDA


Outras recomendações:

O futuro como aventura


Vários
IMAGO, Lisboa

How Heavy is a City?


Alpi de Armin Linke
Museu Nacional de Etnologia, Lisboa

AUGUSTO CABRITA, o olhar encantado


Vários
Biblioteca de Marvila, Lisboa

Câmera-Corpo – Mostra de Cinemas Indígenas do Brasil


Vários
Culturgest, Lisboa

Chamar à Atenção \ Conversa em torno do número 23


Vários
Fundação Arpad Szenes - Vieira da Silva, Lisboa

Três famílias


COLECTIVA
Museu da Marioneta, Lisboa

Scianema - Mostra o Oceano


Vários
Teatro Lethes, Faro

O que pode uma imagem falar


MEF - Movimento de Expressão Fotográfica
IMAGO, Lisboa

Pérola Sem Rapariga


Zia Soares
Centro Cultural Vila Flor, Guimarães

KIRIO URAYAMA & SHÛSAKU ENDÔ - ÍMPARES #6


Miguel Patrício e José Álvares
Cinemateca, Lisboa

ARQUIVO:

O seguinte guia de eventos é uma perspectiva prévia compilada pela ARTECAPITAL, antecipando conferências, seminários, cursos ou outras iniciativas. Envie-nos informação (press-release, programa e imagem) dos próximos acontecimentos. Seleccionamos três eventos periodicamente, divulgando-os junto dos nossos leitores.

 


BRUNO MARQUES

Narcisos Insubmissos




ONLINE



24 JAN - 24 JAN 2023


CONVERSA ONLINE: 24 de Janeiro, das 20h00 às 21h30

Orador: Bruno Marques
Interlocutoras convidadas: Emília Ferreira, Gabriela De Laurentiis e Joana d’Oliva Monteiro
Moderador: Flavia Bortolon



:::


Partindo da análise de Torso, Self Portrait (1963-64) de Louise Bourgeois, escultura pertencente à Coleção Museu Berardo (Portugal), propomo-nos repensar a continuada discrepância entre a sub-representação da autora e a sobre-exposição do nu feminino que ainda hoje vigora nos museus de arte. Ao subverter uma cadeia de categorias taxonómicas binárias implicadas na diferença essencial entre o Autorretrato, a artista franco-americana complica a ortodoxa oposição entre autor e musa e/ou entre sujeito e objeto. Ensaiando uma articulação entre o conceito de informe de George Bataille e a crítica feminista à epistemologia da diferença sexual a partir da proposta de Luce Irigaray, sustentamos que só desfazendo e reinventando os parâmetros discursivos e institucionais que construiram e hierarquizaram o género feminino como “menor” se tornará possível uma emancipação sistémica efetiva.


:::


Organização:
Bruno Marques (IHA/NOVA FCSH)
Dieison Marconi (ESPM-SP)
Flavia Bortolon (UFPR –PR)
Lucía-Gloria Vázquez-Rodríguez (UCMadrid)


Entrar na reunião Zoom
https://videoconf-colibri.zoom.us/j/87657914499...
ID da reunião: 876 5791 4499
Senha de acesso: 508910